Catálogo

Curso

En su sexta edición, el curso Fotografiando el Inconsciente llega por la primera vez en Barcelona en 2018.

Gaia

A vida no planeta é mais do que manifestação dinâmica de uma cadeia evolutiva segmentada em diferentes elos. É o próprio planeta, entidade viva há muito reconhecida pelas tradições antigas. Gaia é a síntese de um conceito ainda difícil de ser assimilado pela mente moderna, é a mãe que nos acolhe a todos, sendo nós, também, partículas conscientes desse gigante corpo, tais como as células de neurônios no cérebro de um animal.

Sem a pretensão de ilustrar a pluralidade da vida terrestre, a presente série faz um breve passeio por imagens de animais e plantas de diferentes continentes. O elo entre cada uma reside no dinamismo da vida, que evolui através dos éons, saltando de uma manifestação a outra, adaptando-se às particularidades de cada habitat, em uma incessante dança entre elementos naturais e elementos vivos.

 

Entre texturas de folhas e conchas, cristais esbranquiçados. São uma forma primitiva de vida, com capacidade de crescimento e morte. O meio mineral antecede o vegetal no impulso pela vida. “A vida tem um papel na origem dos minerais assim como os minerais têm um papel na origem da vida.” (Robert Hazen)

Entre a lava negra de um vulcão adormecido, uma árvore colonizadora, esforço hercúleo da vida em brotar em cada pedaço de chão disponível. Em cada rachadura no asfalto quente, em cada vão entre os prédios de uma metrópole, Gaia manifesta-se.